Mensagem do dia 03 / 12 / 2014: A vontade de Deus

Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Mateus 7:21
Dizendo: Pai, se queres, passa de mim este cálice; todavia não se faça a minha vontade, mas a tua. Lucas 22:42
O qual se deu a si mesmo por nossos pecados, para nos livrar do presente século mau, segundo a vontade de Deus nosso Pai, (Gálatas 1:4)
Eu não posso de mim mesmo fazer coisa alguma. Como ouço, assim julgo; e o meu juízo é justo, porque não busco a minha vontade, mas a vontade do Pai que me enviou. João 5:30
E a vontade do Pai que me enviou é esta: Que nenhum de todos aqueles que me deu se perca, mas que o ressuscite no último dia. João 6:39
Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome;
Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus. João 1:12-13

Acho que a maior esperança de qualquer cristão é entrar no reino dos céus um dia! Deus está preparando esse lugar para os seus, para aqueles a quem chamou. Mas será que todos irão entrar no reino dos céus. Jesus diz enfaticamente que irá entrar no reino dos céus aquele que faz a vontade do Pai! Jesus mesmo num dos piores momentos em que passou aqui na terra, quando estava quase diante do fim dos seus dias entre os homens, já sabendo que iria morrer na cruz, se colocou totalmente como inferior a Deus, mesmo sendo o próprio Deus, e disse que queria que a vontade do Pai fosse feita e não a Dele! Veja como Jesus dava importância para a vontade do Pai. Era muito mais importante do que a Sua própria vontade! E Ele era o Filho unigênito de Deus, mas se colocava totalmente abaixo do Senhor, e totalmente entregue à Sua vontade. E sua vontade naquele momento era nos livrar do presente século mau, e dar a Jesus como sacrifício de nossos pecados! O sacrifício definitivo e aceitável ao Senhor! Todos os sacrificios anteriores de animais que haviam sido feitos não se comparavam ao que Jesus estava pronto a fazer! Deus não queria que nenhum daqueles que foram dados a Jesus se perdesse, mas que ressuscitassem no último dia!
Jesus procurava sempre em primeiro lugar fazer a vontade do Pai, em qualquer condição que se lhe apresentasse. Era a coisa mais importante a fazer, sempre!

Na oração que Jesus nos ensinou aparece logo no início que se faça a Sua vontade, a vontade de Deus!

Será que estamos fazendo a vontade do Pai? Analise bem tudo o que você tem feito, será que está dando prioridade para a vontade de Deus?

 

Mensagem do dia 08 / 12 / 2014: Nosso próximo

Mestre, qual é o grande mandamento na lei?
E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento.
Este é o primeiro e grande mandamento.
E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.
Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas. Mateus 22:36-40

A pergunta veio de um jovem que tinha uma grande questão em sua mente. Embora ao redor houvessem pessoas que queriam pegar Jesus em alguma contradição da lei, mas este jovem tinha uma questão que o perturbava. E esta resposta dada por Jesus, resumia tudo o que Deus quer de nós: Amar a Deus em primeiro lugar e em segundo lugar ao próximo como a nós mesmos.
Se o homem realmente fizesse o segundo mandamento, não haveriam mais guerras, nem opressões de uns sobre os outros, nem avarezas, nem ganâncias. Não haveria encrencas mais entre as pessoas, o mundo não teria problemas mais. Não haveria injustiça, exploração, roubos, violências, assassinatos, latrocínios. Os princípios de Deus estariam com o homem que não teria coragem e nem razão de fazer mal ao seu próximo.
Quando uma pessoa se aproxima de Deus através de uma religião, logo vem à sua mente as palavras sacrifício e ofertas, regras que teriam que nos colocar numa relação com o Senhor, mas o que Deus quer de nós não é nada disso, ele não quer ver os ritos e rituais, nem as aparências. Deus sempre enxerga o nosso interior, o nosso coração. Temos que dar o nosso sacrifício vivo, nossa mente, nosso corpo devem ser sacrificados para Deus! Deus não quer saber o que fazemos numa igreja, que como hipócritas fingimos estar com Deus, mas Ele quer saber o que somos fora da igreja, no nosso dia a dia, no conviver com as pessoas. É nessas ocasiões que mostramos como tratamos o nosso próximo, se bem ou mal. Temos que mudar a nossa mente, a nossa cabeça, porque mudar apenas a aparência não interessa para o Senhor.
Olhemos as coisas de Deus e pensemos diferente! Jesus não concordava com a religião que havia naquele tempo. Fariseus colocavam fardos pesados nos ombros das pessoas, através de regras, leis. De tal forma que essas pessoas não conseguiam mais prosseguir, pelo peso de tantos detalhes da lei. Mas a lei tinha que estar dentro da pessoa. Jesus queria que as pessoas se negassem a si mesmas. Paulo mesmo disse que tudo o que ele era, cidadão romano, estudado, rico, importante, ele jogava fora, considerava tudo como escória e colocava tudo no lixo, pelo conhecimento de Jesus! Este é o tipo de relacionamento que o Senhor quer de nós! Tratar a Deus com prioridade e ao próximo muito, mas muito bem! Não importa quem somos ou de onde viemos.

 

Mensagem do dia 15 / 12 / 2014: Era chegada a hora

E disse Jesus aos principais dos sacerdotes, e capitães do templo, e anciãos, que tinham ido contra ele: Saístes, como a um salteador, com espadas e varapaus?
Tenho estado todos os dias convosco no templo, e não estendestes as mãos contra mim, mas esta é a vossa hora e o poder das trevas.
Então, prendendo-o, o levaram, e o puseram em casa do sumo sacerdote. E Pedro seguia-o de longe. Lucas 22:52-54
E todos, na sinagoga, ouvindo estas coisas, se encheram de ira.
E, levantando-se, o expulsaram da cidade, e o levaram até ao cume do monte em que a cidade deles estava edificada, para dali o precipitarem.
Ele, porém, passando pelo meio deles, retirou-se. Lucas 4:28-30

Em muitas ocasiões anteriores à esta, os soldados quiseram prender a Jesus, e até os religiosos também, mas não conseguiam, pois Jesus tranquilamente passava no meio deles, sem que ninguém o segurasse ou o prendesse, pois não era chegada a hora.
Mas agora havia chegado a hora, escolhida pelo Pai para que se consumasse seu plano, o plano de salvação para todos nós! Jesus sabia disso, foi para isso que tinha vindo à terra, conhecia perfeitamente sua missão. Encararia muita coisa ruim pela frente: chacotas, açoites, coroa de espinhos, humilhação, chicotadas, dor, sangramentos. Dizem até que na cruz ele suou sangue, de tanto que sofreu. Porém como profetizado muitos anos antes seria levado ao matadouro como uma ovelha muda e nenhum de seus ossos seria quebrado. Tanto que na crucificação, a maioria das pessoas tinham suas pernas quebradas para morrerem logo, mas Jesus não precisou de nada disso, pois Ele morreu rapidamente.
Aquela era a hora exata, do seu sacrifício único, do Filho de Deus, todos os pecados dos que se seguiriam estariam pagos, Ele foi o sacrifício perfeito por todos os homens. E o que temos que fazer? Acreditar no seu sacrifício na cruz e olhar para o sangue que Ele verteu por nossa causa, mesmo sem ter culpa de nada, e vermos seu sofrimento como um ato de amor por nós! Pecadores, que não merecemos nada do que Ele fez.

 

Mensagem do dia 17 / 12 / 2014: Como lidar com pessoas difíceis

Recebi este texto por e-mail e gostaria de compartilhar, pois está baseado na Bíblia e achei muito instrutivo para a solução de conflitos do dia a dia:

COMO LIDAR COM PESSOAS DIFÍCEIS.

E Jacó habitou na terra das peregrinações de seu pai, na terra de Canaã. Estas são as gerações de Jacó. Sendo José de dezessete anos, apascentava as ovelhas com seus irmãos; sendo ainda jovem, andava com os filhos de Bila, e com os filhos de Zilpa, mulheres de seu pai; e José trazia más notícias deles a seu pai. E Israel amava a José mais do que a todos os seus filhos, porque era filho da sua velhice; e fez-lhe uma túnica de várias cores. Vendo, pois, seus irmãos que seu pai o amava mais do que a todos eles, odiaram-no, e não podiam falar com ele pacificamente.” (Gn 37:1-4 ACF)

“Se for possível, quanto estiver em vós, tende paz com todos os homens.” (Rm 12:18 ACF)

INTRODUÇÃO: Você conhece alguma pessoa com que é difícil você conviver bem com ela?

I. Há muitos tipos de pessoas difíceis.

Ciumentos e invejosos, soberbos, zangados, egoístas, inseguros, quebrados-esmagados, caídos sem querer levantar, exigentes, ranzinzas até em coisas minúsculas, desonestos, sempre na defensiva, concentram-se única e exclusivamente em expor o pior lado de todos, contrários a tudo, sedentos por poder, indiferentes, etc.

II. Como lidar com tais pessoas [difíceis]?

a. Compreenda que você não vai agradar toda e cada pessoa.

“Sendo os caminhos do homem agradáveis ao SENHOR, até a seus inimigos faz que tenham paz com ele.” (Pv 16:7 ACF)

b. Compreenda que você não vai mudar toda e cada pessoa.

“Alexandre, o latoeiro, causou-me muitos males; o Senhor lhe pague segundo as suas obras. Tu, guarda-te também dele, porque resistiu muito às nossas palavras.” (2Tm 4:14-15 ACF)

c. Compreenda que o Senhor está do seu lado.

“Ninguém me assistiu na minha primeira defesa, antes todos me desampararam. Que isto lhes não seja imputado. Mas o Senhor assistiu-me e fortaleceu-me, para que por mim fosse cumprida a pregação, e todos os gentios a ouvissem; e fiquei livre da boca do leão. E o Senhor me livrará de toda a má obra, e guardar-me-á para o seu reino celestial; a quem seja glória para todo o sempre. Amém.” (2Tm 4:16-18 ACF)

d. Responda em amor.

“Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus;” (Mt 5:44 ACF)

“A resposta branda desvia o furor, mas a palavra dura suscita a ira.” (Pv 15:1 ACF)


e. Recuse-se a retaliar. Não tente nem sequer diminuir o “placar do jogo.”

“Ouvistes que foi dito: Olho por olho, e dente por dente. Eu, porém, vos digo que não resistais ao mal; mas, se qualquer te bater na face direita, oferece-lhe também a outra;” (Mt 5:38-39 ACF)

“Não tornando mal por mal, ou injúria por injúria; antes, pelo contrário, bendizendo; sabendo que para isto fostes chamados, para que por herança alcanceis a bênção.” (1Pe 3:9 ACF)

Entregue-os ao Senhor [e pronto!]


f. Recuse-se a discutir brigando.

“Honroso é para o homem desviar-se de questões, mas todo tolo é intrometido.” (Pv 20:3 ACF)

“Como o carvão para as brasas, e a lenha para o fogo, assim é o homem contencioso para acender rixas.” (Pv 26:21 ACF)

“O tolo revela todo o seu pensamento, mas o sábio o guarda até o fim.” (Pv 29:11 ACF)

“O irmão ofendido é mais difícil de conquistar do que uma cidade forte; e as contendas são como os ferrolhos de um palácio.” (Pv 18:19 ACF)


g. Recuse-se a perder sua alegria.

“Disse-lhes mais: Ide, comei as gorduras, e bebei as doçuras, e enviai porções aos que não têm nada preparado para si; porque este dia é consagrado ao nosso Senhor; portanto não vos entristeçais; porque a alegria do SENHOR é a vossa força.” (Ne 8:10 ACF)

Freqüentemente eu não posso controlar as atitudes ou ações de outra pessoa, mas eu posso manter o espírito correto dentro de mim. Mantenha seu senso de humor e sua maneira positiva de ver as coisas.


h. Recuse-se a tomar as ofensas como pessoais [como se fossem a VOCÊ].

“Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós, me odiou a mim. Se vós fósseis do mundo, o mundo amaria o que era seu, mas porque não sois do mundo, antes eu vos escolhi do mundo, por isso é que o mundo vos odeia. Lembrai-vos da palavra que vos disse: Não é o servo maior do que o seu senhor. Se a mim me perseguiram, também vos perseguirão a vós; se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa. Mas tudo isto vos farão por causa do meu nome, porque não conhecem aquele que me enviou.” (Jo 15:18-21 ACF)

Recuse-se a dar ouvidos a mexericos. Sempre pergunte quem [tem as provas] e quando [aconteceu].

[Hélio faz uma pergunta e dá uma resposta: a) Sou eu parte do problema? Ou da solução? b) Se não, então não me conte nem sequer 1 palavra: vá diretamente às pessoas envolvidas! E aja como a Bíblia lhe ordena]


i. Resolva o conflito rapidamente.

“Portanto, se trouxeres a tua oferta ao altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, 24 Deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai reconciliar-te primeiro com teu irmão e, depois, vem e apresenta a tua oferta.” (Mt 5:23-24 ACF)

“Irai-vos, e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira.” (Ef 4:26 ACF)

Não abandone e fuja para longe das pessoas difíceis.

Pastor Jim Preston
Lighthouse Baptist Church
12140 Indian St., Moreno Valley , Left Coast 92557
Traduzido por Hélio de M.S., 2007

 

Mensagem do dia 19 / 12 / 2014: O natal está chegando

E tu, Belém Efrata, posto que pequena entre os milhares de Judá, de ti me sairá o que governará em Israel, e cujas saídas são desde os tempos antigos, desde os dias da eternidade. Miquéias 5:2
Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome; Filipenses 2:9

Embora saibamos historicamente que Jesus não nasceu em 25 de dezembro, mas em algum dia entre agosto e setembro, isso realmente não importa. O importante é comemorarmos a vinda do Filho unigênito de Deus aqui à terra. Nasceu em uma barriga de mulher virgem, Maria, concebido pelo Espírito Santo de Deus, e teve uma vida simples como qualquer pessoa de sua época. Teve as mesmas necessidades que os meninos e depois rapazes tiveram. Trabalhou para ajudar a José, seu pai terreno, numa carpintaria. Enfim teve uma vida normal, mas era o Filho de Deus! Veio aqui com uma grandiosa missão: proclamar a vinda do reino de Deus e salvar através de seu sacrifício a vida de milhões (talvez bilhões) que viriam após Ele e que acreditassem nesse seu sacrifício. Desceu dos céus, deixou toda sua glória, pois esteve com Deus na criação do mundo, e veio para nos salvar! Comemoremos sim a sua vinda, o seu nascimento, mesmo que em data errada, pois a sua vinda mudou a história, temos um Antes de Cristo, e um Depois de Cristo no calendário. E devemos ter um antes e depois de conhecê-lo em nossas vidas também! É para isso que Ele veio! Falava de coisas celestiais usando exemplos de coisas terrenas. Veio para transformar a vida de seus discípulos e depois de seus seguidores que somos nós, para mudar suas mentes, para ensinar a todos como entrar em comunhão com o Criador do universo, seu Pai. Ensinou a orar, a agir, a procurarmos ao Senhor, a glorificá-lo em todo o tempo e a dar-Lhe graças em tudo o que vivermos. Ele morreu numa cruz, mas ressuscitou ao terceiro dia e está vivo, sentado ao lado do Pai, e um dia voltará para esta terra para buscar os seus remidos, os salvos, e irá levá-los para a vida eterna, num lugar especialmente preparado pelo Senhor para isso! Creiamos Nele para termos o nosso lugar reservado com o Senhor na vida eterna! A Ele foi dado o nome que é sobre todo o nome, e pelo qual todos se ajoelharão e dirão que Ele é o Senhor!

 

Mensagem do dia 23 / 12 / 2014: Ano novo chegando, que tal mudar de pensamentos?

Sabei que o Senhor é Deus; foi ele que nos fez, e não nós a nós mesmos; somos povo seu e ovelhas do seu pasto.
Entrai pelas portas dele com gratidão, e em seus átrios com louvor; louvai-o, e bendizei o seu nome.
Porque o Senhor é bom, e eterna a sua misericórdia; e a sua verdade dura de geração em geração. Salmos
100:3-5

Não podemos viver ao sabor das circunstâncias, e mudando de humor o tempo todo, de extremamente alegres para uma tristeza profunda!
Temos que mudar, temos que confiar mais em Deus e em suas promessas que estão na sua palavra poderosa.
Deus não quer que vivamos assim, com altos e baixos, o tempo todo. Temos que ter várias certezas em nossa vida e uma delas é que Deus realmente está no controle de tudo o que acontece ao nosso redor, simples assim!
E Ele quer sempre o nosso bem, portanto se algo não acontece como esperávamos e na hora que achávamos que seria a certa, não se preocupe, o melhor aconteceu e acontecerá sempre. Deus sabe o que é melhor para nós em todo o tempo. Ele sabe a hora exata de nos dar o que pedimos, ou então de nos afastar disso porque não vai ser bom para nós! Ele é onisciente, tudo sabe, conhece o nosso presente e o nosso futuro também.
Ele tem o universo em suas mãos, e a nossa vida é importante para Deus! Vivamos nessa certeza, e por mais que um caia à sua direita e outros mil ao seu redor, você não será de fato atingido! E se for atingido, com certeza não será nada definitivo e paralisante, pois havia alguma razão que o Senhor sabe bem qual é e quer nos fortalecer, nos fazer levantar e nos ensinar algo com essa situação passageira! Passageira sim, pois não nascemos para ficar em um deserto por muito tempo, mas sim para cruzá-lo se for necessário, e Ele nos dará todas as condições para isso como fez com seu povo quando saiu do Egito rumo à terra prometida. Mandou o maná, fez surgir água para saciarem sua sede, enfim, lhes deu todas as condições para avançarem e chegarem ao seu destino.
Tendo consciência de tudo isso que o Senhor faz para nós, que somos seu povo ainda hoje e ovelhas de seu pastoreio, não tem sentido ficarmos como num gráfico com grandes alterações no humor, conforme as circunstâncias ao redor vão mudando...
Demonstremos a nossa fé em Deus!
Temos que confiar em Deus, que está trabalhando em nós e sempre nos proverá! Essa mudança de pensamentos nos fará mais fortes a cada dia, e depois das lutas, as vitórias se seguirão com certeza!

 

Mensagem do dia 25 / 12 / 2014: Natal: nascimento de Jesus

Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz. Isaías 9:6

O nascimento de Jesus já tinha sido profetizado por Isaias, e com precisos detalhes de suas características.
E seu nascimento foi explicado por Lucas nos seguintes versos:

E aconteceu naqueles dias que saiu um decreto da parte de César Augusto, para que todo o mundo se alistasse
(Este primeiro alistamento foi feito sendo Quirino presidente da Síria).
E todos iam alistar-se, cada um à sua própria cidade.
E subiu também José da Galiléia, da cidade de Nazaré, à Judéia, à cidade de Davi, chamada Belém (porque era da casa e família de Davi),
A fim de alistar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida.
E aconteceu que, estando eles ali, se cumpriram os dias em que ela havia de dar à luz.
E deu à luz a seu filho primogênito, e envolveu-o em panos, e deitou-o numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na estalagem.
¶ Ora, havia naquela mesma comarca pastores que estavam no campo, e guardavam, durante as vigílias da noite, o seu rebanho.
E eis que o anjo do Senhor veio sobre eles, e a glória do Senhor os cercou de resplendor, e tiveram grande temor.
E o anjo lhes disse: Não temais, porque eis aqui vos trago novas de grande alegria, que será para todo o povo:
Pois, na cidade de Davi, vos nasceu hoje o Salvador, que é Cristo, o Senhor.
E isto vos será por sinal: Achareis o menino envolto em panos, e deitado numa manjedoura.
E, no mesmo instante, apareceu com o anjo uma multidão dos exércitos celestiais, louvando a Deus, e dizendo:
Glória a Deus nas alturas, Paz na terra, boa vontade para com os homens.
E aconteceu que, ausentando-se deles os anjos para o céu, disseram os pastores uns aos outros: Vamos, pois, até Belém, e vejamos isso que aconteceu, e que o Senhor nos fez saber.
E foram apressadamente, e acharam Maria, e José, e o menino deitado na manjedoura.
E, vendo-o, divulgaram a palavra que acerca do menino lhes fora dita;
E todos os que a ouviram se maravilharam do que os pastores lhes diziam.
Mas Maria guardava todas estas coisas, conferindo-as em seu coração.
E voltaram os pastores, glorificando e louvando a Deus por tudo o que tinham ouvido e visto, como lhes havia sido dito. Lucas 2:1-20

Este menino que nascia iria mudar toda a história dos homens que viriam após seu nascimento. Agora temos um intercessor diante do Pai, um advogado lá nos céus, um conselheiro. A época da graça começava, os sacrifícios não seriam mais necessários, pois Ele é o único que Deus aceitaria e aceitou. E Ele tem o nome que é sobre todo o nome nos céus e na terra! Todo joelho se dobrará e toda lingua confessará que Ele é o Senhor! Deixe que Jesus nasça em seu coração, em sua mente. Ele tem um fardo que é leve e sempre quer nos ajudar. Entregue sua vida em suas mãos poderosas e tudo se transformará! Ele pedu ao Pai que não nos tirasse do mundo, mas que nos livrasse do mal! Seus anjos se acampam ao nosso redor!

 Veja mais ministrações e vídeos neste site

Projeto e Manutenção do Site

clauco@terra.com.br

Volta para página inicial